Marketing digital - Quando a pessoa física é a pessoa jurídica




Profissionais liberais como arquitetos, advogados, médicos, dentistas, consultores ou psicólogos costumam chegar com a seguinte dúvida: preciso criar um canal exclusivo de marketing digital para divulgar meus serviços? É uma questão muito pertinente e a resposta é: depende. Imagine que quando a pessoa jurídica é você, é fundamental tomar alguns cuidados. Nada impede que o perfil de divulgação de seu trabalho seja o pessoal, porém, a cada postagem é importante considerar que ali estão seus clientes atuais e potenciais. O foco tem que ser sempre o que você quer somar para sua imagem profissional. Assim, independente da sua escolha - usar o perfil pessoal ou um novo somente para esse fim, a qualidade e a estratégia devem caminhar juntas. Os canais digitais são uma importante fonte de consulta na decisão pela contratação de um profissional. Mesmo com as indicações pessoais, que são fundamentais, um bom conteúdo pode ser o elemento de decisão final em caso de dúvidas entre concorrentes, por exemplo. Falar sobre seu dia a dia em atividades relacionadas ao que faz, participação em cursos, gravar vídeos falando de seu expertise, mostrar resultados de clientes, depoimentos, tudo isso é bem-vindo e soma para a humanização de seu trabalho, além dos posts somente com foco em vendas. Outro ponto fundamental é ter uma identidade visual que passe profissionalismo, com cores e fontes adequadas, gerando uma unidade em sua comunicação. Consistência na produção de conteúdo e temas atuais e relevantes, também ajudam no engajamento e atração de potenciais clientes. E você? Se encaixa nesse perfil profissional? Meu trabalho de Assessoria de Comunicação Digital para Profissionais Liberais pode te ajudar! Entre em contato e marcamos um bate-papo sem compromisso.